O casamento, como uma das bases para constituição de família, obriga naturalmente a uma certa estabilidade económica que passa dum modo natural pela existência de emprego. Há mesmo