O hábito faz o monge e é bem verdade. Mas se certos actos são até treinados voluntariamente pelos seus resultados positivos, outros são adquiridos muitas vezes por desleixo