A escola e o sexo

Nem sempre as tendências sexuais  das pessoas foram bem compreendidas ou aceites. E se a nível social isso foi mais ou menos realçado e até assumido, o mesmo não se verificava a nível académico onde talvez os factores morais e educacionais tivessem um bom peso em relação à sua contínua incompreensão. Mas se no ocidente ainda podemos entender uma certa liberdade mental a esse respeito, é curioso ter sido numa escola da Tailândia que foram criados os primeiros lavabos para alunos travestis.

 

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *